iG - Internet Group

iBest

brTurbo


06/01 - 10:19hs

Cleo Pires, sexy: “Decidi que queria me transformar em uma deusa!”

 

Acordo Ortográfico

 

Depois de quase dois anos de negociações com a revista, Cleo Pires finalmente bateu o martelo e decidiu ser capa da Nova em grande estilo e muito sensual. Vestindo apenas colares e uma calcinha, a atriz admitiu: “Eu tinha vergonha de bancar a sexy, mostrar o corpo, sabe?”. Para em seguida confessar: “Mas há um ano decidi que queria me transformar em uma deusa!”.

 

André Schiliró/Divulgação

 

E se a descoberta de sua sensualidade aconteceu aos poucos, sua vocação também surgiu devagar. Fez uma ponta na minissérie “Memorial de Maria Moura” para só nove anos mais tarde se lançar no cinema. Mesmo sem ser atriz ou ter feito um curso de interpretação, protagonizou “Benjamim” e levou, de cara, o prêmio de melhor atriz no Festival de Cinema do Rio de Janeiro. Fez sua primeira novela em 2005 e só depois de enlouquecer a ala masculina com a ninfeta Lurdinha decidiu de fato ser atriz.

 

Agora, prestes a encarar um papel de peso na trama “Caminho das Índias”, Cleo se considera uma mulher bem mais madura. “Já saí muito à noite. Agora estou em uma fase mais quieta, de ficar vendo filmes, lendo”.

 

Mas além de mudar o comportamento, a filha de Glória Pires – por quem tem verdadeira adoração – revela que está mais calma, mais centrada: “Logo que comecei a ganhar meu dinheiro, comprava demais, gastava mais do que devia — mas nunca mais do que tinha. Aí me aproximei do espiritismo, passei a praticar ioga e consegui voltar meu foco para o presente. Acabou a vontade de comprar tudo, como se o mundo fosse acabar. Adquiro o que gosto e realmente preciso”.

Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


André Schiliró/Divulgação

cmc

Cleo Pires na Nova

publicidade

Contador de notícias